Família

Querida Família
by Odacyr Roberth


Hoje, mais que nunca procuro retribuir
O amor em mim aplicado
O sonho estruturado
A vida dada de bom grado
À família que me traz suvenir


Para longe eu fui, sem nada a temer
Deixei a casa
Levei comigo um nada
A porta escancarada
Fazendo meu coração acender


Olhos cruéis? Vidas severinas?
Tudo encontrei pela vida
Mas sempre estava lá,
Me esperando pra me afagar
Minha querida família







A melhor forma pra começar a falar de família é se deliciando comum sorriso maravilhoso, puro, ingênuo e sincero. Às vezes é um sorriso como este que nos dá força para continuar tentando levar a vida.
Vou começar pela foto da vó Margarida, tanto pelo imenso amor que tenho por ela quanto por sua função matriarcal na família. É ela quem une a família, que distribui seus conselhos, que se preocupa com todos, e pede a Deus pra guardar todo mundo. Por isso uma homenagem pra ela.



Apesar de ela estar de cara fechada aí, ela não é sempre assim. É que eu queria tirar a foto dela comendo inhame sem ela perceber, mas não deu muito certo. Mas a foto ficou tão colorida que eu achei ela mimosa e postei.



Este é meu pai, no dia da minha formatura. Veja a cara dele de feliz por eu estar formando. Pela foto percebe-se que somos muito carinhosos um com o outro. Os melhores amigos.



Pego todo o carinho e afeto e distribuo pelos meus irmãos, que consequentemente...



...retribuem para papai.



E como não amar uma criatura como essa? Todos os dias agradeço a Deus por me dar uma família tão fora dos padrões, porém tão perfeita.



Estes são mamãe (minha madrasta), ‘vovó’ (Dona Terezinha) e ‘vovô’ (Seu Antônio – na memória).



Meus irmãos novamente. Ele são tão, tão.... (respiros sonhadores fundos). Não dá pra dizer em palavras, mas as fotos ajudam vocês a terem noção da grandeza do TÂO...



Tão fofos. Vocês nunca terão irmãos tão fofos como eu. Morram de inveja.




Primos de várias etnias. Alegram meu dia. Isso é apenas uma  muito pequena amostra, pois eu tenho centenas de primos.








Sobrinhos Ludmila, Amanda, Samira e Kayky. Também tem a Ana Clara, que é aquela do início da página. Trazem alegria pro meu viver.



Helenice, minha cunhada, casada com meu irmão primogênito.



Mais uma parte da família. Estão aí misturados irmã, tia, primos e sobrinhos.



Meu primo Wesley. Há muito tempo não o vejo. Essa foto é de 2006, se não me engano.



A imagem está ruim, mas dá pra ver meus tios e meus primos. Reparem só as “rupinha”.


Mais primos e eu com cara de bobo alegre no meio.



Nova geração de primo: Isaque.



Pausa para a gostosura (intervalo comercial)



Mas não é pouca gostosura não, é muita, muita mesa.



Aniversário da minha sobrinha e minha irmã Daione.



Minha única irmã 100%. Todos os outros são 50% ou nem isso, conforme for o caso.



Enteado da minha mãe, logo meu irmão de consideração.



Meu afilhado (Sou padrinho, mexe!)



E quem nunca teve um filho ilegal? É minha cara, não?



Grande Final



Mãe, pessoa que me trouxe ao mundo contra a minha vontade na verdade, mas mesmo assim tem seu valor, pois sempre cuida e nunca abandona. Pensa que não reconheço seu valor, mas eu reconheço, só não falo por que na hora de entrar em depressão pra fazer chantagem ela vai pensar que é mentira.
Brincadeiras à parte, aqui vai meu grande abraço e afeto e a foto mais bonita de nós dois sem uma gota de photoshop!



Todos juntos



Mãe e filhos: Daione, Mãe, Odacyr – O Gostosão, Edson, Cleonice e Patrícia.

E essa é a minha família. Com problemas? Muitos. Falta de comunicação? Diária e constante. Briguinhas internas por causa de coisas fúteis e sem importância? Todo sábado, mas no domingo já está todo mundo conversando de novo (sem pedir perdão, até), como se nada tivesse acontecido. Mas tem um diferencial: amor pra dar e vender, ricos de honestidade e integridade. Meu suporte para a vida, que tolera minhas chatices e quem mais se beneficia das minhas (inúmeras) qualidades. Eu amo todos, muito, muito muito. Aliás, bem melhor é amar...





Toda minha família nuclear: papai, mamãe, mãe, padrasto, eu e mais sete irmãos. Faltou o Ademilson que também é irmão, mas como eu não tinha foto dele da próxima vez eu coloco.


















0 comentários:

Postar um comentário

Curta essa também!